EMPATE HERÓICO

Foi uma batalha épica. Diante de um Santa Cruz desesperado para fugir da zona de rebaixamento, o Oeste suportou a pressão do adversário e conseguiu sair do Arruda somando um ponto ao empatar por 2 a 2 com a equipe pernambucana, tendo jogado quase todo o segundo tempo com um jogador a menos. 

No primeiro tempo da partida, o Santa pressionou o Rubrão desde o início e teve o controle dos primeiros 20 minutos, mas o time de Barueri mostrou maturidade para absorver e saiu para o jogo. Pela esquerda, Willian Cordeiro passou pelo defensor adversário e foi derrubado dentro área. Pênalti que Mazinho converteu para abrir o placar, que permaneceu até o fim da primeira etapa. 

No retorno das equipes para a parte final da partida, Willian Cordeiro, que já estava amarelado, fez faz falta em Bruno Paulo e foi expulso. Com um a mais, o Santa foi pra cima do Rubrão e ganhou um pênalti anotado em cima de Grafite. O atacante bateu e igualou o resultado. Logo na sequência, Mazinho fez linda jogada pela esquerda e bateu cruzado, de fora da área, acertando o canto canhoto do goleiro, fazendo 2 a 1. Mas em jogada esquisita, o time pernambucano encontrou o gol de empate aos 35 do segundo tempo. 

Com o ponto conquistado no Arruda, o time rubro-negro vai as 48 e segue na sexta colocação, a quatro pontos do G4 da Série B do Campeonato Brasileiro. No sábado, a equipe de Roberto Cavalo tem um confronto direto contra o quinto colocado, o Vila Nova, no Serra Dourada. Com 15 gols, Mazinho segue como artilheiro da segundona. 

 

(Foto: Diego Nigro)