ARTILHEIRO

O jovem Pedrinho, de apenas 18 anos, é o artilheiro do Oeste na temporada. Com cinco gols na Série B e quatro na Série A2 do Campeonato Paulista, o atacante ultrapassou Raphael Luz e Bruno Lopes, ambos com oito tentos anotados. 

Promissor, o atleta comemorou o bom momento com a camisa rubro-negra, revelou que ser artilheiro é uma meta em sua vida e projetou uma evolução ainda maior. 

- É uma sensação maravilhosa. Coloquei na minha mente que tinha esse objetivo. Graças a Deus sou o artilheiro do time, mas isso é fruto de um trabalho coletivo. Sem meus companheiros, isso não seria possível. Espero ajudar ainda com mais gols, e com certeza muita vontade dentro de campo - declarou Pedrinho, que preferiu não cravar um número, mas garantiu ter suas metas pessoais. 

- Traço metas sim. Até o fim do ano tenho meus objetivos, e quero alcançá-los. Tanto os individuais, como os coletivos - afirmou. 

Apesar da pouca idade, Pedrinho mostra maturidade na hora de avaliar a situação dentro da Série B do Campeonato Brasileiro. Mesmo com a importante vitória sobre o CRB, fora de casa, ele pede cautela e afirma que a luta ainda é pra se afastar da zona de rebaixamento. 

- Agora é hora de pensar jogo a jogo. Não podemos deixar de sonhar com um G4, mas antes vamos buscar somar nossos pontos pra garantir uma permanência na Série B. Temos que aproveitar a vitória fora de casa e tentar fazer dois grande resultados na Arena - analisou. 

Pedrinho volta a campo pelo Oeste no sábado, às 16h30, contra o Juventude, na Arena Barueri.

Foto: Thiago Gadelha/Diário do Nordeste