SÓ TEM PAREDÃO

'Dono da 2ª melhor defesa da Série B, Oeste se destaca com seus goleiros há 3 anos'

Peça fundamental na engrenagem defensiva do Oeste, que garante a equipe como a segunda melhor defesa da Série B do Campeonato Brasileiro, o preparador de goleiros Fernando Lopes falou sobre esse período de paralisação na competição e como ele aproveitou para evoluir ainda mais seus goleiros Glauco e Luís Carlos. 

- Com tempo maior para treinar intensificamos ainda mais as atividades específicas e demos prioridades as valências físicas que se trabalha pouco quando não se tem esse intervalo entre jogos. Priorizamos muito o trabalho de força para suportar a maratona de jogos no retorno da parada da copa América. Também trabalhamos muito a agilidade, a velocidade de reação e potência. Todos os trabalhos focados em situações de jogo - explicou Lopes. 

A posição tem se destacado nos dois últimos anos no Rubrão e produzido goleiros para a elite do futebol brasileiro. Preparado por Lopes, Rodolfo foi destaque na Série B de 2017 e logo em seguida contratado pelo Fluminense. Já em 2018, o goleiro Tadeu também fez grande temporada e hoje atua pelo Goiás, 6º colocado da Série A. 

- O nível dos goleiros brasileiros melhorou muito nos últimos anos. Muito se deve aos preparadores também buscaram essa evolução em suas metodologias de trabalho. Aos estudos e acompanhamento das mudanças que houve no futebol. Bolas mais rápidas, gramados mais lisos, mais gente dentro da aérea, muitas bolas aéreas além de qualificar o jogo com os pés. Então houve sim uma mudança muito grande na área especifica dos goleiros e seus preparadores - declarou o preparador. 

Para a sequência da Série B, Lopes não poderá contar com Matheus Cavichioli, que fraturou a mão. O preparador lamenta a ausência do goleiro da campanha do Campeonato Paulista, mas ressalta o poder de Glauco e Luís Carlos como seus substitutos. 

- O Matheus vem de três ótimos anos em alto nível. Fez um Paulista muito bom com uma regularidade impressionante. E por isso fará falta sim. Principalmente pelo ritmo de jogo e a sequência que vinha mantendo junto com a nossa defesa nesse início de Série B. Acredito que ele fará uma recuperação muito rápida e logo estará treinando normalmente e estará pronto pra nos ajudar na sequência do campeonato. 

- Posso dizer com certeza que são dois grandes goleiros com muito potencial. A sequência de jogos vai mostrar. Glauco um pouco mais novo que o Luís mas já provou que tem tudo para se tornar um dos grandes goleiros do Brasil. Luís já um goleiro consagrado por onde passou e com experiência na Série B. Vão nos ajudar muito na sequência - avaliou. 

Com apenas três gols sofridos em oito jogos, o Oeste fica atrás apenas do líder Bragantino, que sofreu dois tentos, como a defesa menos vazada.